Arquivo da categoria: Life

Qual o seu sonho para hoje?

 

Calma… não é fazer bolhas de sabão nas flores. A imagem só me transmitiu essa sensação de sossego e é isso que eu quero. (mas bem que seria legal fazer bolhas de sabão de novo, e com uma paisagem linda seria melhor ainda… ~.~’ )
Sou uma pessoa do tipo ‘temos que fazer isso’ e que gosta de fazer na hora, pra ontem, mas é uma delícia poder esquecer dos ‘temos que’ e curtir algumas horas sem correria, desfrutando do prazer de admirar a natureza, ou ler, ou assistir algo legal, ou visitar nossos parentes, ou ainda viajar por um dia para algum lugar.
Qual o seu sonho para hoje?
Quero viver um sonho por dia, realizar um sonho por dia, e construir novos sonhos… gosto dos projetos que estou participando por me proporcionarem a possibilidade de conferir essas realizações, por menores que sejam. (365 Days e 101 Coisas em 1001 Dias)
Precisamos de algo grandioso como sonho? Não. Meu sonho de hoje é conseguir vencer o dia de trabalho, sem stress, sem passar mal no fim do dia e, se possível, ir à academia e terminar de ler meu livro. Se conseguir, terei vivido um dia delicioso!
Meu sonho para esse mês? Mandar fazer nossa mesa de jantar.
Meu sonho para esse ano? Comprar nossa casa.
E para os próximos 10 anos??? Continuar vivendo um sonho por dia com a pessoinha mais especial do mundo ao meu lado. =DDivida conosco seu sonho… é conhecer alguém legal? Viajar pelo país ou para fora dele? Passar em um concurso? Ter filhos? O que você fez hoje para realizar um sonho, grande ou pequeno?

Livros de graça

 
É um tema beeeeem falado, eu sei, mas acho que alguns não entendem algumas coisas. Então aqui estamos! ^^
Todos estamos cansados de saber que os livros são vendidos aqui no Brasil por um preço considerado alto pela maioria das pessoas, e que tem milhares de sites que disponibilizam os livros gratuitamente para download (não pode, viu?!!!). O ponto que quero abordar é se realmente sabem onde pesquisar bons preços.
Já comentei aqui sobre algumas ferramentas que podem ajudar a pesquisar preços baixos (Aqui). Elas são muuuuito úteis!!! Geralmente, consigo os melhores preços com elas e SEMPRE observo as diferenças de preços delas antes de comprar. Mas não são a única saída.
Daí você fala: ‘Ah, mas mesmo assim o livro é muito caro’. Hoje, temos promoção de livros praticamente toda semana (ai meu bolso!!!), seja na Saraiva, Submarino, Americanas, Fnac, Cultura, Extra… podem conferir! Os livros saem a menos de R$ 10,00 cada, e muitas vezes com frete grátis. Se você pode gastar R$ 30,00 com unhas que vão acabar em uma semana, ou com sorvetes e chocolates, porque não pode usar esse dindins para comprar o livro que tanto quer?

Isso só para observar o lado do custo para você. Vamos olhar por outro lado?

Com o que você trabalha?
Se for com um comércio, o que acharia de dar sua mercadoria aos clientes? DAR? E se trabalha como professor, o que acha de dar aulas de graça? Tá… é servidor público, pode trabalhar 30 dias para ganhar por uns… 3?
Quem escreve o livro fica horas trabalhando na obra, passa dias (semanas, meses) pensando na história, nos personagens, criando esse mundo que vai fazer você descansar sua mente, que vai te fazer viajar por universos desconhecidos, que vai te ajudar com o português/inglês, que pode te ajudar a aprender algo novo. Além do trabalho para encontrar uma editora que confie em seu trabalho e publique sua obra. Você realmente acha justo que ele(a) tenha tooooodo esse esforço/carinho/dedicação de graça? Se ele (a) viver exclusivamente disso, como acha que vai pagar as contas? (Ah, nem coloquei os gastos da editora com a impressão e divulgação, coloquei?) Quando você acha que vai para a mão do autor? E você querendo isso de graça… folgado né? =P

Eu AMO livros, e quero ter uma biblioteca enooorme. Se você mora pertinho, pode me pedir emprestado que tenho uma satisfação imensa em compartilhar isso. Se não, pensa bem antes de fazer download tá? Roubar é feio, é pecado.
Você tem milhares de formas de acesso aos nossos queridos livros sem desvalorizar ou roubar os autores. Bibliotecas, promoções, livros que são disponibilizados gratuitamente (de forma legal), como na Amazon ou Saraiva, pode pedir emprestado a um amigo, ou criar vergonha na cara e deixar de comprar um sorvete nesse fim de semana para comprar um livro. =P

Sempre que encontro um preço legal, tento colocar no face do blog (quando dá tempo), mas vou fazer um post por semana com as promoções que encontrar ok?

Até lá, pesquisem e leiam bastante!!! Aproveitem esses mundos incríveis que são feitos com tanto carinho para nós! ^^

(Se você é um autor, por favor, compartilhe conosco seu ponto de vista e os problemas que encontrou com isso ok?)

 

Ah, o blog oficial fica no Blogger (por enquanto), visitem lá!

Porque eu comprei esse livro?!!!!

 

Depois de um tempo acompanhando alguns blogs literários e outros viciados em leitura, me deparei com algumas situações onde as pessoas compraram livros, mesmo sabendo que odiariam a leitura, apenas pelo preço baixo. Outras vezes, as pessoas se obrigam a ler um livro que odeiam o estilo em virtude de uma parceria com uma editora ou autor. Isso me fez refletir até onde isso tudo vale a pena.
Tenho alguns vários livros não lidos, mas que comprei por serem sequência de alguma série que amei, ou por ter lido antes a sinopse, o primeiro capítulo ou alguma outra resenha que me despertaram a atenção e que acredito que vou amar.  Nunca comprei um livro sabendo que seria uma leitura chata. Sei que eles são uma loteria, às vezes a gente erra e nos deparamos com alguma interpretação errada, nos decepcionando com um ou outro livro… mas o que te motiva a comprá-los? O que te faz ler determinado livro?? Como você comprou aquele livro que odiou tanto??

Respeito é ótimo e cada um faz do seu tempo e dinheiro o que achar melhor, várias pessoas acham um desperdício utilizar uma hora ou duas do meu dia para ler um livro, ou pagar R$ 10,00 ou R$ 20,00 em um livro ou outro. Mas vale a pena, quando você sabe que não vai gostar?

 

Quando o assunto são séries fica até mais fácil, porque podemos comprar só o primeiro e, se não gostarmos, não precisamos seguir. Sem contar com as possibilidades de troca, pois se você não gostou de um livro, outra pessoa amou e odiou aquele livro que você tanto quer.
Como isso funciona com você? Já passou por uma situação assim?

Você consegue controlar seu vício literário? (eu estou me esforçando… ^^ )

Faculdade X Concurso público

Em que fase da vida você está?
A maioria das pessoas crescem com os mesmos projetos: Escola – Faculdade – Carreira. Mas e se invertêssemos uma parte considerável desta rotina?
Queria muito ter a mentalidade que tenho hoje na época em que fiz vestibular, ou alguém que me orientasse nisso. Há 10 anos atrás era mais fácil passar em um concurso, e beeeem mais complicado entrar em uma universidade pública. Estudei toda a minha vida em escolas públicas, então tinha que concorrer com os alunos das melhores escolas particulares e garantir minha vaga, uma vez que meus amados pais não dispunham de verba para custear uma faculdade particular e as bolsas de estudos eram exclusivas para os ‘chegados’ dos diretores dessas faculdades (pode ser que alguém tenha conseguido, mas lá em Fortaleza eu não conhecia outro meio).

 

Se você ainda não fez nenhum dos dois, ou se não conseguiu passar ainda, reflita bem… você pode fazer um concurso de nível médio para ganhar seus R$ 2.000,00 a R$ 4.000,00 por mês e depois cursar a faculdade, com seus estudos pagos pela instituição!
Você pode tentar entrar na faculdade todo ano, mas não é todo ano que temos bons concursos. E eles exigem um preparo maior, o conteúdo não é fácil e não é o mesmo que aprendemos na escola.
Depois de conseguir os dois, vejo que seria muito mais fácil concluir a faculdade se tivesse a renda de hoje para custear os livros, as apresentações, o material… poderia ter aproveitado mais das aulas, sem a pressão para conseguir um bom emprego no setor privado, onde muitas vezes seu desempenho depende exclusivamente do quanto você bajula seu chefe, ou de quantos milhões de cursos você fez. No concurso, é você e você. Tudo depende do quanto você estudou e de como manterá a cabeça fria no dia da prova.
Hoje, pretendo cursar a pós graduação, e se possível, conseguir o reembolso pelo órgão em que trabalho. Se for na área (direito previdenciário), creio que será mais fácil… mas talvez consiga algo ligado à Administração também. ^^
Pensem bem, o tempo é precioso demais e vocês estão trilhando um caminho a longo prazo.

 

Um tempo que não volta…

Volta e meia me pego pensando no tempo, se eu utilizo bem as horas e dias que Deus me dá, se eu poderia aproveitar melhor e como fazer isso, em como alguns dias que se passaram foram tão bons, em como alguns dias que virão prometem ser ainda melhores. ^^
Quando vocês chegarem perto dos trinta saberão (ou não) que a gente fica mais filósofo a medida que a velhice vai chegando podem me chamar de vovó Cássia.
Dessa vez, o que me fez pensar nisso foi meu querido irmãozinho-filhote, que adotei lá pelos meus 10 anos, quando ele nasceu. Amo conversar com ele, e fico feliz demais quando vejo que ele conta comigo para alguns desabafos.
Alguns dias atrás, em uma das ligações ou conversas pelo face, ele me contou que estava meio preocupado com o tempo, pois é período de estudo intensivo para o vestibular e não podemos brincar nessas horas (meu tempo foi beeem aproveitado nesse período, enfiei a cara nos livros e só tirei depois que passei no vestibular? Não… depois que terminei a facul? Não… foi depois que passei no concurso, e nem poderia ter diminuído o ritmo, já que pretendo passar em um outro concurso). O fato é que meu irmão está preocupado, pois queria tempo para dedicar a alguns assuntos pessoais de suma importância e os horários não estão batendo.
Até falei a ele que não se desesperasse, mas ele é irmão de quem é e tinha que herdar essa agonia toda, essa mania feia de querer tudo pra ontem, de tentar abraçar o mundo com o corpo todo… Só um aviso: Não dá ok? Eu já tentei e minhas pobres e pequenas pernas estão com os ossos esticados até hoje.
Há coisas que só entendemos quando o tempo nos ensina, e paciência é uma delas. Enquanto não aprendemos isso, vivam. Mas não cobrem demais de si, a gente não morre se não passar de primeira em algo, e não morremos se alguma de nossas obrigações não for cumprida no dia. Outra coisa, quando amamos uma pessoa e essa pessoa nos ama da mesma forma, aprendemos a respeitar o tempo uma da outra e a nos esforçar para aproveitar o tempo que tivermos juntos.
Já dá… já dá…
(continuamos quando esta mente que vos escreve surtar novamente)E você? Como utiliza seu tempo? Que problemas você acredita ter por falta (ou sobra) de tempo?

Externalizando… Pt. 1

Vamos voltar a registrar coisas lindas assim?? ♥

Fevereiro não foi dos melhores meses… tivemos momentos ótimos sim, mas em um balanço geral foi um mês de desânimo. =/

Pausei com o projeto #365Days, pausei com o #AOphotoaday, nada de estudos, nada de ir atrás de cumprir as metas… o que eu fiz? Sobrevivi!
Tentei sorrir todos os dias para que aqueles que estão ao meu redor não se preocupassem tanto (pq eu sou abençoada com pessoas que me amam e realmente se importam), sofri decepções e fui parar no hospital por causa do stress causado pela minha chefe (que tem atitudes que ferem o código de ética até o fim!). Assédio moral não é algo simples…
Não gosto de deixar um clima pesado no blog, minha ideia quando comecei a escrevê-lo foi justamente o contrário. Mas se o fiz para ser algo meu, então aqui estão meus pedacinhos. =P
Hoje, estou beeeeem melhor. O ânimo volta aos poucos e a vida segue né? Não tenho tempo a perder com ‘aaah, eu poderia ter aproveitado mais e feito melhor’… quando a gente chega perto dos 30 passamos a notar que Nossa!!! Eu tô velha!!! o AGORA não vai voltar, então deixe o que passou e continue no AGORA ok?
Ok! \o/
Tentarei voltar às fotos (amo muito isso!), e a gente realmente gosta de lembrar como cada dia teve um

pedacinho especial por meio delas. ^^

As metas continuam lá, o que der pra cumprir será cumprido, o que não conseguir pode ser uma meta depois correto? Os anos continuam chegando e nós temos saúde para vivê-los. Talvez o problema de alguns seja pensar que a vida se resume a um período entre a adolescência e a vida adulta, não é assim. Continuamos assistindo desenhos/filmes/animes, continuamos jogando online (C9! \o/ ), continuamos com gestos de quem tem ‘probleminha’ e morremos de rir com cada minuto desses. Foi assim que eu cheguei até aqui e será assim que continuaremos até quando Deus nos permitir.
Já dá… já dá… =D
(continuamos quando esta mente que vos escreve surtar novamente)

Estantes

Difícil né?
Elas são fundamentais para quem gosta de livros, pois podem prolongar ou encurtar a vida dos nossos amados.
Uma estante escolhida aleatoriamente pode não ser ideal. Sabe aquela história do ‘barato sai caro’? Essa pode ser uma dessas situações. Tomei a liberdade de pegar alguns exemplos na net, se alguma dessas estantes for sua, por favor, entenda… é por uma causa justa. ^^
Quando fui comprar a minha, pesquisei meses antes. Pretendia comprar uma dessas beeem baratinhas, que você encontra em qualquer loja de móveis, mas meu marido me alertou para o futuro e que seria um desperdício comprar uma estante que ficaria toda torta ou quebraria em meses. Ainda bem que eu confiei na opinião dele!!!!
Livros pesam, disso todo mundo sabe. O que as pessoas ignoram é que as estantes comuns não foram feitas para suportar tal peso, elas servem para pequenos enfeites, mas não para toneladas de páginas. O que acontece? Isso:
Se for uma emergência, até vale deixar nossos amados protegidos, mesmo que seja em armários e estantes comuns. Entretanto, se você pretende comprar uma específica para os livros, compensa procurar um pouco mais e abrir mão de alguns dindins a mais em uma estante resistente.
As pessoas não acham absurdo gastar R$ 900,00 em um celular ou tablet, mas choram em ter que gastar R$ 700,00 em uma estante.
Se pesquisar, você consegue um bom preço!
Nós optamos por mandar fazer a nossa. Meu marido desenhou um modelo que achou ser mais resistente (ele sabia o que viria nos meses seguintes… hehehehe), pesquisamos em todos os marceneiros da nossa cidade, e ela custaria R$ 950,00. Resolvemos pesquisar na cidade onde minha sogra mora, uns 80km de distância, e ela acabou saindo por R$ 650,00 (já com o frete incluso!). Perfeita!!!!
Minha lindona!!!! ♥

Vamos encomendar outra logo, pois não tem mais espaço na minha. =/
E os livros continuam chegando… ~.~’
Também vamos encomendar a mesa de jantar e a cama de casal, depois que nossa cama quebrou com uma criança de 7 anos (no peso ideal) subindo nela, desistimos de comprar camas em lojas de móveis. (não que eles não vendam nada que preste, mas é que os móveis de madeira fabricados duram uma eternidade e aguentam até um elefante brincando nele!)
Se observarem as estantes acima e a que encomendamos, a nossa não tem uma alteração sequer!!! Nada de empenados, nada de mofo ou de madeira se decompondo por causa da umidade. Ela tem quase um ano, e só recebemos elogios!
Claro que você tem que atentar para algumas coisas, tipo, ao lavar a casa, não molhe os pés da estante (de preferência, coloque aqueles potes de plástico para protegê-los), ao posicioná-la, procure um local que não fique exposto à luz e umidade, a nossa ficou em uma parede no meio da sala, que não recebe nenhum agente externo em nenhum dos lados (no meio da casa meeeesmo!).
No mais, boa sorte, boa pesquisa e bom investimento!
Biblioconto

Um canto para contar sobre leituras

Da Literatura

Um blog sobre livros e amor pela leitura

Mais um Leitor

Para quem ama boas histórias

Sweet Little Books

por Anna Carolina Costa

Livros na Mochila

Tudo sobre livros da atualidade,resenhas,sorteios e muito mais.

Razão Inadequada

Uma postura inadequada é a nossa maneira de viver em uma cultura da adequação...

Textos & Trechos

Aqui, palavras valem mais que mil imagens.

gavetas de pensamentos

um lugar para trocar idéias

Sonhos de jabuticaba

Diário de uma preguiçosa, ansiosa, sonhadora e com olhos de jabuticaba.

conversademeiofio

por Lenivaldo Leni

Falando em Literatura...

só boa literatura desde 2008

Olhando por aí

livros, estudos, letras, bullet journal, EAD e mais

Funcionária do Mês

Beleza, comportamento e atualidades sob o ponto de vista de uma workaholic.